09/10/10

VMAC CASTANHEIRA




Vai a fresca manhã alvorecendo
Vão as pessoas saindo para a rua
Gaivotas trajantes vão aparecendo
E andantes fazendo a vida sua


Nesse espaço desperta a natureza
Passa ela formosa em sol nascente
Queimando o peso da minha tristeza
Em troca de encanto resplandecente


Seus olhos rasgados são sem igual
São o espelho que se reflecte em mim
Vejo neles um encanto sem ter fim


Que vai passando com seu ar triunfal
É um só no meio de alegrias e tantas
Formoso e belo… Ah como me encantas.


ARIEH NATSAC





Os meus amigos que me façam o auto-retrato.
 No entanto devo dizer que sou uma pessoa normal
com todos os defeitos e virtudes dum ser humana.


5 comentários:

ANJO DE BRISA disse...

Amiga passando para te desejar um feliz feriadão. Me diga uma coisa como faço para convidar outros amigas? Bjs

CÉU ROSÁRIO disse...

Abres um gadget chamado "seguidores" e vais adcionando amigos, também ainda é o que eu sei fazer!
Peço a quem saiba que me explique tambem a forma de convidar mais amigos! Beijinhos

Chris disse...

Amiga Céu
Não sou forte nestas andanças de espaços e Net mas talvez possa dizer que para se seguir mais amigos basta fazer clique num dos que nos segue, depois fazer clique em cima de seguidores dele e a partir daí seguir os que o seguem e nunca mais acaba.

Chris disse...

Amigo Castanheira
Seria de grande desilegância vir ao seu poema e apenas comentar os comentários lá existentes.
Chamou-me a atenção o facto de publicar um soneto e um soneto com versos de dez sílabas o que, como numa outra publicação já manifestei, considero a expressão máxima da nossa poesia.
Gostei do que li e embora não comente o conteúdo, peço-lhe que continue.

Curiosa disse...

olá querido,
belo espaço ..
bj

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...