10/02/13

PAULO ALEXANDRE HENRIQUES




 Queria caminhar sobre contos de fadas,
Subir ao céu através de escadas…
Em vez de pintar lágrimas derramadas,
Podia ir ao fundo do mar buscar palavras naufragadas.

Queria caminhar sobre a água…
Sentir as lombas do oceano,
A fazerem-me esquecer a mágoa…
Só me resta ir sonhando.

Queria ser um floco de neve…
Queria ser um jornal numa loja
À espera que alguém me leve…
Mas não quero esperar morrer para que alguém me eleve.

Queria alguma coisa, já que não posso ter o mundo.
As gaivotas chamavam-me vagabundo,
Porque em 24h só apareço na praia 1 segundo.
Eu queria… Mas não cresci no vosso mundo.

Queria ter um avatar…
Para quando me for embora continuar a respirar…
Secalhar, não é boa ideia
Porque iria haver um poeta com maneira diferente de pensar.

Deixem estar! Já não quero nada…
Porque iria pedir uma caravela,
Se a ia deixar no cais,
Numa prateleira, junto à janela?


Eu queria outra coisa qualquer,

 Poeta Paulo Alexandre Henriques, Edições 2012





Ora, eu não sou mais que eu próprio mas tento ser.
Antes de mais, sou o Paulo Alexandre Henriques,
 tenho 19 anos completados em 10/Fevereiro e resido em Torres Novas.
 Nasci em Almeirim mas cedo fui adoptado, quer dizer, com 6 anos.
Defino-me com alguém lutador mas que se vai muitas vezes abaixo.
 Nem sempre sei lidar comigo próprio. As emoções são o meu ponto fraco.
Sou muito entregue ao amor e às paisagens que me rodeiam.
Consigo ver palavras novas em tudo o que posso para que
 os meus poemas sejam o mais “escondidos” possível.
A minha primeira paixão nem foi a poesia apesar de estar sempre presente.
Venerava Atletismo e cheguei mesmo a ser campeão nacional de salto em comprimento.
Para além disso pertenci ao movimento escutista da CNE e
 ainda pratiquei mais alguns desportos.
 Frequentei também o Curso de Inglês numa escola de Línguas.
No Futuro quero poder viajar pelo mundo, conhecer muita mais do que
 conheço e levar a pessoa que mais gosto para qualquer lado.
 Não gosto de estar no mesmo sítio.
Começo a entrar num estado depressivo que não me fascina de todo.
 Tenho sempre de arranjar uma nova ocupação.



5 comentários:

EU disse...

Paulo, gostei muito do que li...

Não "se pense" demasiado. A emoção faz parte de quem é sensível. E os aquarianos têm esse "defeito"...São uns eternos insatisfeitos.

Parabéns pela escrita...:)

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Mais um lindo poema e fico feliz por ser um poeta jovem...assim a poesia não morre.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

lola disse...

¡¡ Buenos tardes¡¡ mi querida amiga maravilloso escrito, es un gusto leer esas pinceladas de tu arte he disfrutado en cada frase..


Espero que tengas un lindo día!!!!
Bello Post
Precioso, como siempre cielo.
Un fuerte abrazo!!!

Anónimo disse...

Infοrmativе article, јust ωhat I neеded.



Also visit my blog post; V2 cigs Reviews

★MaRiBeL★ disse...

╔═╗──────────╔═╗──╔╦═╦╗───╔╗
║╬╠══╦═╦╦╗╔╦╗║╬╠══╬╣═╣╚╦═╦╝║
║║║║║║╬║╔╝║║║║║║║║║╠═║╔╣╬║╬║
╚╩╩╩╩╩═╩╝─╠╗║╚╩╩╩╩╩╩═╩═╩╩╩═╝
──────────╚═╝───────────────·♥·MaRiBeL·♥·

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...