04/10/10

ANTONIO MANUEL RODRIGUES MARTINS



A mais bela melodia



Cedo me afoitei pelo descobrir
dos sons de um canto inacabado;
onde belos timbres dão o sentir
de um resplandecer iluminado.

Notas supremas e interiorizadas
pela memória do ocultar sem fim;
no êxtase de músicas encantadas
que ofuscam qualquer estado ruim.

Se apressam os tocadores vários
em empatia com seus instrumentos
e exteriorizam a melodia prometida.

Os cantores sendo então solidários
aprumam as vozes por momentos
cantando na sua voz mais sentida.


António MR Martins




 


Posso ficar perdedor no aspecto material,
mas jamais ultrajaria minha maneira de ser.
 Para mim a honra e a verdade são fundamentais no trato humano.


5 comentários:

António MR Martins disse...

Grato pela amabilidade e atenção. Ficou tudo muito bonito e, houve, uma valorização enorme àquilo que escrevi.

Bem haja

António MR Martins

Anónimo disse...

Ciao, anche qui, il tuo è sempre uno splendido blog.
Ti auguro una buona serata, con amicizia,
Vito M.

Chris disse...

É sempre um prazer ver que ainda há quem escreva sonetos e em versos de dez sílabas, a forma maior da nossa poesia que ao longo de séculos nos vem deliciando com expressivas mensagens.
Cumprimento o autor, que não conhecia, e espero que volte a este magnífico espaço que a Céu Rosário em boa hora criou.
Tenho esperança que os cantores apenas fiquem solitários por momentos e voltem com novo soneto
que igualmente nos toque.
Gostei imenso.
Chris Morris

"Unidade de Reflexão" disse...

É sempre gratificante para meus olhos ver sua criatividade
tanto em palavras como em imagens. Grande abraço querida Céu.
Muito grata por seguir me também. Luciana.

Anónimo disse...

Já o conhecia pelos comentarios no face de uma amiga
A sua poesia só hoje a descobri....
Gostei....espero mais
Parabens
Angelina Andrade

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...